Costureiras de São Paulo e Osasco conquistam aumento real

Fonte: Assessoria de imprensa da Força Sindical

Acordo foi aprovado hoje em assembleia da categoria

As costureiras de São Paulo e Osasco fecharam acordo de reajuste salarial com reposição da inflação do período mais aumento real de 0,39%. Este acordo, considerado excelente, foi fruto de muita luta, de muita mobilização da categoria. “Sozinho ninguém faz nada”, diz Eunice Cabral, presidente do Sindicato, que colocou seus diretores diariamente nas portas de fábricas fazendo assembleias nos meses de julho e agosto.

Hoje, dia 20, foi realizada a assembleia para a aprovação do acordo coletivo 2018 com um reajuste de 4% no salário e nos pisos. O INPC do período foi de 3,61%, conseguindo assim um aumento real de 0,39% nos salários dos trabalhadores e trabalhadoras do setor, além do reajuste no auxílio-creche e no seguro de vida.

Segundo Eunice, foram mantidas todas as cláusulas da Convenção Coletiva. “Isto só ocorreu com muito trabalho, luta e dedicação nas negociações e mobilizações, onde conseguimos alcançar um resultado vitorioso para os trabalhadores, e isso foi importantíssimo porque hoje nós vamos com uma pauta e os empregadores vêm com outra para retirar direitos. Também ficou acertado que as homologações continuarão sendo feitas no sindicato”, declarou. “Agora, vamos continuar as negociações por empresas. A luta não para!”, finalizou Eunice.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *