Nota sobre a morte da vereadora Marielle Franco

A Força Sindical São Paulo lamenta a morte da vereadora Marielle Franco e do motorista do veículo, Anderson Pedro Gomes, ambos assassinados a tiros na noite desta quarta- feira, 14 de março.

Marielle era uma das principais vozes em defesa dos direitos humanos, contra o racismo, o machismo e as desigualdades sociais que assolam nosso país.Ela também foi a quinta vereadora mais votada nas eleições de 2016 (com 46.502 votos).

A vereadora tinha 38 anos e deixou uma filha de 19.

Nos solidarizamos com a dor da família e da população e esperamos uma investigação séria sobre o caso, na esperança de que os culpados sejam punidos.

Que a luta pelas desigualdades não seja silenciada!

Danilo Pereira da Silva
Presidente da Força Sindical São Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *