Nota sobre aumento da Taxa básica de juros

A Força Sindical considera um equívoco econômico o aumento da taxa de juros anunciada  pelo Copom (Comitê de Política Monetária). O Banco Central perdeu uma ótima oportunidade que poderia funcionar como um estímulo para a criação de empregos, a produção e o consumo.

Tivemos uma desnecessária alta dos juros, que seguem elevados. Juros altos que seguem na contramão da produção, do crédito, do consumo e da geração de empregos. Infelizmente, a decisão do Copom fortalece os obstáculos ao desenvolvimento do País com distribuição de renda.

A crise é dolorosa para os trabalhadores, que, além de sofrerem com o flagelo do desemprego, amargam alta taxa de juros e a redução criminosa dos seus diretos e de sua proteção social.

A resposta para a crise é o desenvolvimento, a valorização do trabalho e o incentivo à geração de emprego e renda. O País precisa investir no fomento da produção, na geração de empregos e na distribuição de renda para retomar o caminho do seu crescimento econômico.

Defendemos a implementação de  políticas que priorizem a retomada do investimento, o crescimento da economia, a geração de empregos, a redução da desigualdade social, o combate à pobreza e a distribuição de renda.

Miguel Torres
Presidente da Força Sindical

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *