Regional Campinas busca estratégias para enfrentar a crise

Fonte: Assessoria de Imprensa do Sintercamp

Na última quarta-feira, 21 de fevereiro, o Coordenador da Regional Campinas da Força Sindical, Paulo Ritz, reuniu dirigentes das entidades da região para tratar do planejamento da Regional diante da crise que afeta atualmente o movimento sindical.

Na oportunidade o presidente estadual da Força Sindical, Danilo Pereira da Silva, esteve presente para posicionar os sindicatos filiados a respeito dos problemas financeiros que a Central está enfrentando e também para anunciar o fechamento da sede em Campinas – a última Regional que ainda mantinha a sede em funcionamento.

“Infelizmente já estamos sentindo as consequências da nova legislação. No ano passado já tínhamos fechado todas as outras Regionais, mantivemos apenas a de Presidente Prudente que tinha um custo baixo e a de Campinas que sempre foi a mais atuante. Mas esse ano nosso repasse diminuiu muito e tivemos que tomar essas medidas. A Regional não está acabando, só estamos entregando esse espaço físico e agora buscando alternativas para que vocês possam dar sequência ao excelente trabalho que sempre fizeram”, registrou o presidente estadual da Central.

O Coordenador Paulo Ritz destacou a importância da união neste momento de transição. “Essa não é a primeira crise que enfrentamos, mas o diferencial da nossa Regional sempre foi a união e a participação das entidades filiadas e é isso que a gente vai buscar daqui para frente. Fechamos a sede, mas as atividades continuam. É hora de buscar alternativas, trocar informações e traçar estratégias para continuar o nosso trabalho”, afirmou Ritz.

A partir do próximo mês a Regional Campinas estará atendendo em um espaço dentro da sede do Sintercamp – Sindicato dos Trabalhadores em Refeições de Campinas e Região, entidade presidida pelo Coordenador Paulo Ritz. O Sintercamp fica localizado na Rua Álvares Machado, nº 361, Centro, Campinas/SP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *