Rodoviário da Marimex, de Santos aprova acordo de data-base

Fonte: Assessoria de imprensa do sindicato

Em assembleia na tarde de sábado (25), os motoristas da transportadora Marimex aceitaram definitivamente proposta da empresa para renovação do acordo coletivo na data-base de maio.

A proposta havia sido aprovada preliminarmente em assembleia no sábado retrasado (18), no sindicato dos trabalhadores em transportes rodoviários de Santos.

Mas a diretoria marcou nova reunião, para as 12 horas deste sábado (25), porque 100 motoristas estavam em viagem de trabalho, naquela oportunidade, prejudicando a representatividade.

O acordo garante 50 horas extras mensais e pagamento no pernoite quando o empregado iniciar a viagem antes das 5 horas ou chegar depois das 22. O reajuste é de 2,5% nos salários e itens econômicos.

Eleição de outubro

O secretário-geral do sindicato, ‘Ferrugem’ Eronaldo José de Oliveira, já pensa na campanha salarial de 2019, “de preferência com a reforma trabalhista do regime Temer revogada”.

O sindicalista espera que “o próximo presidente da república corresponda aos anseios dos trabalhadores e convoque um referendo revogatório de todo o lixo proposto por Michel Temer”.

“Para isso”, pondera Ferrugem, “precisamos eleger não apenas um presidente comprometido com o movimento sindical, mas também deputados, senadores e governadores com o mesmo viés”.

O sindicalista diz que “uma forma eficiente de escolher os deputados e senadores é, de cara, eliminar os que votaram a favor da reforma trabalhista”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *